INJÚRIA NERVOSA PÓS RITIDOPLASTIA ( PARALISIA OU PARESTESIA DO RAMO FRONTOTEMPORAL OU RAMO MANDIBULAR)

A Injúria nervosa é uma lesão no ramo frontotemporal e ramo mandibular, causando parestesia ou paralisia da musculatura frontal, na maioria das vezes regride com o passar do tempo. A lesão do ramo frontotemporal, ocasionada a impossibilidade da movimentação da musculatura frontal, levando á queda da sobrancelha, á lesão do ramo mandibular produz uma alteração bucal que só é visível quando o paciente sorri ou fala, não sendo visível ao repouso.

As causas mais comuns de injúria do nervo facial são o traumatismo por eletrocoagulação, a tração excessiva dos tecidos, a infiltração de anestésico no nervo, o hematoma ou edema (compressão extrínseca), infecção, alterações anatômicas locais e a secção do nervo. Na maioria das vezes ocorre de forma parcial, regredindo durante um período de três a seis meses.

Uma sensação de dormência pode ocorrer após lesão de nervos sensoriais que, em geral, é temporária e recupera com o tempo.

No caso de lesão definitiva do ramo frontal, o cirurgião pode causar uma paralisia no lado não lesado mediante a secção nervosa ou aplicar injeções de toxina botulínica, uma vez que o que mais incomoda o paciente é a assimetria facial.

Tratamentos

Nas lesões nervosas o lado lesionado apresenta uma paresia flácida e responde bem aos estímulos excitomotores e ao tapping.

A Fisioterapia Dermato Funcional, atua estimulando os movimentos e sensibilidade da região afetada através da terapia manual, fortalecimento, mímicas faciais e tapping.

ava e 9

Porém, muitos cirurgiões quando observam a lesão nervosa, infiltram na musculatura contralateral uma pequena dose de toxina botulínica, que promove uma paralisia flácida, equilibrando assim a musculatura. Nesses casos não há necessidade da fisioterapia dermato funcional intervir, pois a lesão, quando parcial, volta ao normal em seis meses, mesmo período de ação da toxina botulínica.

O paciente deve ser reavaliado após esse período.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *